prazersecreto

prazersecreto
muito prazer

sexta-feira, 28 de setembro de 2012

Foda gostosa depois do trabalho.

Olá, queridos. esse é o meu 1º conto, estou há muito tempo pra escrever um mas o corre-corre não deixa, porém agora está pronto e espero que se divirtam. rs
Estava eu no escritório, entediada como todo começo de tarde, lendo algumas sacanagens no pc, até que me surpreendo com o Pedro, que chegou sem fazer barulho e acabou me pegando no flagra. Eu o olhei sem jeito e sorri, falei que estava lendo o que um amigo me mandou, por pura curiosidade. Mas claro que era mentira, há algum tempo eu não transo e confesso que tava toda molhada, minha buceta tava pulsando de tesão e eu tava doida pra trepar bem gostoso.Pedro não seria uma má ideia, ele é branco, alto e forte, sem exageros... tinha uma tatuagem enorme nas costas e era atraente... então o olhei com uma vontade louca de sentar naquele caralho. Eu sempre quis mas por experiências anteriores, prometi a mim mesma que não sairia com colega de trabalho. Mas naquele dia eu nem pensava mais nisso e pensei em finalmente aceitar um dos vários convites dele de tomar um chopp depois do trabalho.Pedro depois de um sorriso sacana se afastou e foi até a copa, nisso fui atrás dele e falei em seu ouvido quase que sussurrando "E aí, vamos finalmente tomar um choppinho hoje?" Então me afastei pra olhá-lo e com uma cara de safado ele disse que sim. Então dei as costas e caminhei até a porta, quase que rebolando, notei que ele olhava fixamente pra minha bunda. Nesse dia eu tava bonita, uma saia preta colada no corpo com uma blusa também colada braca, um salto lindo alto. Sou morena clara, cabelos castanhos e lisos até o meio das costas, tenho peitos grandes, cintura fina e bundinha gostosa. E naquela noite tudo isso seria do Pedro.Pouco antes de terminar o expediente, me arrumei, retoquei a maquiagem e então fui até a garagem, Pedro já estava me esperando no carro. Logo entrei e fechei a porta, o olhei e reparei que ele me olhava com detalhes, retribui o olhar e rapidamente o puxei pela nuca, lhe dando um beijo molhado delicioso, novamente senti meu corpo estremecer de tesão enquanto eu explorava cada cantinho daquela boca gostosa com a minha lingua, e nisso ele colocou aquela mão quente de desejo em minha coxa e apertou bem gostosinho, sem pensar enfiou a mão dentro da minha saia e entre minhas pernas, alisando minha buceta por cima da minha calcinha. Gemi baixinho entre o beijo ardente, e falei baixo e com voz bem safada pra gente tomar um chopp num lugar mais tranquilo. Automaticamente ele tirou a mão da minha buceta e seguiu em direção a um motel próximo. Durante o trajeto, eu não tirei a mão do pau dele, que pulsava vez ou outra com meus apertões. Ali senti que era grande (sem exageros) e grosso, como eu gosto. Me excitava cada vez mais olhar pra cara de puto dele. Enfim chegamos no motel e a caminho do quarto ele me agarrou por trás, dizendo sacanagens deliciosas em meu ouvido e prometendo me fuder bem gostoso, ai que tesão eu sentia. Me sentia uma puta, uma vadia safada desejando um sexo bem gostoso.Entramos no quarto e ele quis me agarrar, todo afobado, mas eu segurei suas mãos e pedi pra ele deitar na cama, ele foi tirando a calça e a camisa, deitando somente de cueca. então me despi de forma provocante em sua frente, olhando-o apertando aquela piroca gostosa por cima da cueca. fui pra cima dele, totalmente nua e comecei a descer sua cueca, admirando aquela piroca dura e grossa saltar pra fora. Sem pensar duas vezes, comecei a chupar aquela pica gostosa, masturbando ele bem rápido ao mesmo tempo que lambia os saco. Dava sugadas naquele saco e voltava a lamber sua piroca gostosa, eu adoro chupar uma piroca grossa! Ele puxou meus cabelos me fazendo parar, claro que ele não queria gozar naquele momento. Então ele tomou as rédeas da situação e me deixou de 4 na cama, se abaixou e me encheu de tapa na bunda enquanto chupava e metia aquela lingua deliciosa na minha buceta cheia de tesão e já toda molhada de prazer e desejo acumulado. Comecei a gritar, gemer gostosinho para que ele me fudesse naquele momento. Ele também já não aguentava mais de tesão e então começou a esfregar a cabeça daquele pau delicioso na minha buceta, metendo um pouco e tirando, pra me provocar. Até que de surpresa ele enfiou aquela rola grossa e grande na minha buceta, eu gritei de tesão, logo em seguida gozei e fiquei com ainda mais vontade de sentir aquele pau gostoso me rasgando, me fudendo com força e desejo. Logo ele me começa a me fuder tipo papai e mamãe, eu arreganhei bem minhas pernas pra sentir cada pedaço daquela pica enterrada na minha buceta, ele delirava de tesão, entramos em sintonia total, sintonia de puro tesão. Eu o arranhava, dava tapas, o apertava gostoso, enquanto ele metia eu rebolava. Rebolava e gozava, deixando sua piroca cada vez mais melada, aquele pau escorrega deliciosamente na minha buceta gulosa de pica. Falei de forma sacana que queria mamar aquele pau gostoso e beber sua porra quente, e de imediato ele ficou saiu de cima de mim e começou a bater uma punheta com vontade enquanto eu me ajoelhava entre suas pernas e comecei a dar algumas lambedas na cabeça de seu pau, o olhando com puro desejo e tesão, esperando ele esporrar na minha boca, até que finalmente ele da uma gozada longa, dentro da minha boca, eu então engulo tudo e volto a mamar aquela pica, limpando-a com a saliva. Em seguida descansaos um pouco para recomeçar uma trepada mais gostosa ainda.
www.prazersecreto.com.br sua sexshop online

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário